O PRIMEIRO LIVRO DA RAFAELA

A escola da minha filha tem um projeto muito interessante. Os alunos do segundo ano escrevem uma história e publicam em um livro da turma.

Cada aluno escreve também uma biografia. A biografia da Rafa é diferente das outras crianças, ela descreve suas perdas: a mãe que morreu quando ela tinha cinco anos, os seus dois hamsters que morreram, a tartaruga que fugiu.

Parece a biografia de uma criança triste e solitária, não é mesmo? Leia até o fim deste post e você irá se surpreender com a Rafaela.

 

A Rafa escreveu o conto “A Montanha da Ursinha”

É sobre uma ursinha aventureira, chamada Mia. Um dia, a ursinha estava caminhando pela mata quando encontrou uma gatinha pendurada em uma árvore.

Mia salvou a gata. Mas algo assustador acontece com Mia, ela não consegue encontrar o caminho de volta. Sozinhas, Mia e a gatinha ficam um tempo perdidas na mata.

Mas há um final feliz: a ursinha consegue encontrar o caminho de volta para casa.

Ora, eu não preciso ser psicólogo para perceber o significado escondido nas entrelinhas. A gatinha abandonada, a ursinha corajosa que enfrenta o desafio inesperado de estar perdida na floresta…entendeu?

 

É a resiliência presente na Rafaela que me inspira

É a resiliência que as crianças enlutadas possuem e inspiram seus pais.

Mas os pais precisam deixar que as crianças vivam intensamente seu luto, conversando com elas sobre os pais que morreram, deixando que elas expressem seus sentimentos através de desenhos, cartas, vídeos, histórias…

Somente assim a história terá um final feliz!

O PRIMEIRO LIVRO DA RAFAELA

Comente o artigo

%d blogueiros gostam disto: